A novidade de uma gestão consolidada

“Quanto mais uma instituição for organizada para ser líder de mudanças, mais ela precisará estabelecer continuidade interna e externa e maior será a necessidade de equilibrar mudanças rápidas e continuidade”

A confiança de um gestor que se atenta por uma administração inovadora, resulta de um incansável desdobramento para manter sólida sua capacidade para explorar o campo desse exercício constante para o aprendizado. Cada um em sua particularidade concebe que seu dever e obrigação de contribuir para uma gestão consolidada, garantem para si e para os demais colaboradores a sucessão de empreender com objetividade.

Entretanto, para que haja comprometimento efetivo com a participação de uma comunidade elogiada pela mesma confiança, é importante analisar como as coisas realmente novas podem acontecer e ajustar a continuidade para sustentar o mesmo espírito motivado. Mas para que a novidade se consolide e conquiste seu espaço é imprescindível observar como as mudanças podem ser viabilizadas.

Dessa forma, criar um ambiente eclesial com inspiração transformadora é um caminho que exige planejamentos bem elaborados, empenho e muito mais. Nesse sentido, Peter Drucker observa que “quanto mais uma instituição for organizada para ser líder de mudanças, mais ela precisará estabelecer continuidade interna e externa e maior será a necessidade de equilibrar mudanças rápidas e continuidade”.

Então, todo esforço gera uma contínua vontade de ampliar horizontes em favor de uma gestão verdadeiramente estabelecida com valores e estratégias evoluídas.

Faça um comentário